Um blog do Travellerspoint

This blog is published chronologically. Go straight to the most recent post.

Dia 12 - Toscana

MONTERIGGIONI, COLLE DI VAL D'ELSA E SAN GIMIGNANO

sunny 21 °C

Após um bom café da manhã, servido no mesmo local do restaurante do hotel, pegamos nossa viatura e saímos em direção a Monteriggioni.

Olha nossa viatura:
EURO2012__3011_.jpg

Monteriggioni

A pequena cidade medieval de Monteriggioni é toda cercada por uma muralha. O lugarejo é tão pequeno que pode ser percorrido a pé do portão de entrada até o de saída em cinco minutos. Seus muros ainda são muito bem preservados. Foi construída no início do século XIII e logo se transformou em um posto militar com o objetivo de defender as fronteiras do norte de Siena contra as invasões florentinas. Tem quase 8 mil habitantes.

Como nas demais cidadezinhas, deixamos o carro no estacionamento público fora da muralha e subimos o morro para conhecer essa fortaleza.

Portão de entrada de Monteriggionni
187DEF112219AC68178957FC285B018D.jpg

Por dentro da muralha tem-se uma grande praça cercada pelos prédios, igrejas e moradias. São pequeno comércios, restaurantes, cafés. Todos voltados para o turista.

Dentro da muralha de Monteriggioni
EURO2012__3061_.jpg

Um dos simpáticos restaurantes
EURO2012__3048_.jpg

A igreja
EURO2012__3053_.jpg

Lojinha de produtos típicos
EURO2012__3059_.jpg

Depois fomos conhecer a muralha e ver a cidade de cima. Monteriggioni e sua muralha são citados no livro de Dante Alighieri "A Divina Comédia".

A muralha
EURO2012__3091_.jpg

A praça vista da muralha
EURO2012__3078_.jpg

Deixando a cidade é possivel ver, de longe, a muralha no alto do monte.

Monteriggioni
EURO2012__3100_.jpg

Colle di Val D'Elsa

No caminho para San Gimignano fizemos uma parada em Colle di Val D'Elsa. Essa cidadezinha é conhecida com a cidade dos cristais. Já foi responsável por cerca de 15% dos cristais produzidos no mundo e ainda hoje é uma das principais produtoras. Tem cerca de 20 mil habitantes.

Fomos em direção a parte histórica da cidade. Para chegar lá, você entra num túnel em meio a montanha até chegar a um elevador que leva para o alto. Saindo do elevador parece que se está em outra cidade (e em outra época).

Saída do elevador
EURO2012__3108_.jpg

Ruelas de Colle di Val D'Elsa
EURO2012__3123_.jpg

Igreja
EURO2012__3113_.jpg

Chegamos perto do meio dia de uma segunda-feira e a parte histórica estava praticamente deserta. Nos sentimos os donos do campinho.

Vista da parte histórica
EURO2012__3130_.jpg

"Se achando no mapa"
EURO2012__3167_.jpg

Entramos pela cidade nova. Na outra extremidade da cidade antiga existe ainda a muralha medieval que protegia a cidade.

Muralha de entrada
EURO2012__3152_.jpg

Fizemos um pit stop e seguimos para San Gimignano.

San Gimignano

San Gimignano é uma das grandes atrações da Toscana. É uma cidade medieval famosa por suas torres. Atualmente restaram 14, mas no auge da cidade chegaram a mais de 70. Funcionava assim: a altura da torre dava a dimensão da riqueza do morador. Então era uma guerra para ver quem ostentava a torre mais alta. Por isso, também é conhecida como a Manhattan da idade média. E foi declarada patrimônio da humanidade pela UNESCO.

Também é conhecida pelo Vernaccia de San Gimignano, valioso vinho branco que é produzido exclusivamente aqui desde a Idade Média.

San Gimignano
EURO2012__3257_.jpg

Também cercada por muralhas, acessamos a cidade por um dos portões.

Portão de acesso
EURO2012__3203_.jpg

Caminhos da cidade
EURO2012__3205_.jpg

Uma de suas torres
EURO2012__3310_.jpg

Aqui tem o segundo melhor sorvete do mundo. É o 'Gelateria di Piazza'. Vive lotada e com filas. Mas vale a pena a espera, o sorvete é muito bom mesmo.

Gelataria
EURO2012__3214_.jpg

Hummmmm
EURO2012__3239_.jpg

Numa das praças em que fica a famosa sorveteria também fica a antiga cisterna. Todo mundo senta nas suas escadarias enquanto aproveita o sorvete.

Cisterna
EURO2012__3240_.jpg

Em plena segunda-feira, até casamento pegamos por aqui.

Noivos
EURO2012__3233_.jpg

Catedral de Santa Maria Assunta
EURO2012__3227_.jpg

Mas as torres são as grandes atrações. Subimos em uma delas para ver a cidade lá do alto.

San Gimignano vista do alto
EURO2012__3278_.jpg

As 'torres gêmeas'
EURO2012__3263_.jpg

Nós lá em cima
EURO2012__3270_.jpg

E a Toscana no horizonte
EURO2012__3286_.jpg

No final de tarde a cidade começa a se esvaziar e fica mais tranquilo para sentar tomar um café, vinho e visitar as lojinhas.

Fim de tarde na cidade
EURO2012__3308_.jpg

Retornamos ao hotel ainda com sol.

Um dos famosos pratos da Toscana é a Bisteca Fiorentina. Ainda não havíamos provado e no restaurante do hotel tinha. Essa foi a escolha da noite. A carne é diferente da nossa pois o prato é feito a partir de carne de uma vaca que tem todo um tratamento e alimentação diferenciado.

E tem todo um ritual. Antes do preparo a carne ainda crua é levada a nossa mesa para vermos o pedação inteiro. E só servem o pedação inteiro. Não tem como pedir meio prato.

Olha a Bisteca Fiorentina aí
EURO2012__3444_.jpg

E se foi mais um dia na Toscana...

___________________________________

Publicado por lnsilva 5:41 Arquivado em Itália Tagged toscana Comentários (0)

Dia 13 - Toscana

PIENZA, MONTICCHIELLO, MONTALCINO E SIENA

sunny 20 °C

No último dia cheio na Toscana tínhamos mais 4 cidades para conhecer: começamos por Pienza, depois a minúscula Monticchiello, Montalcino e o gran finale na bela Siena.

Vamos nós!

EURO2012__3653_.jpg

Pienza

Saímos cedo em direção a Pienza. No topo de uma colina, Pienza é um dos vilarejos mais encantadores da Toscana com um magnifico panorama que se abre para os verdes campos do Val d'Orcia com estreitas estradas, cipestres e campos cultivados. Considerada Patrimônio Cultural pela UNESCO, pelas ruas de Pienza muitos artistas tentam reproduzir os belos recantos da cidade renascentista, idealizada pelo Papa Pio II por volta de 1400. Tem pouco mais de 2 mil habitantes.

Chegando na cidade descobrimos que era a semana do festival de flores. A cidade estava ainda mais bonita.

Pórtico de entrada da cidade
EURO2012__3490_.jpg

Ruas de Pienza
EURO2012__3493_.jpg

Caminhando pelas ruas de Pienza temos várias lojas, cafés e artesanatos. Até chegar a praça principal onde estão diversos prédios históricos. Mas uma das principais belezas da cidade é a catedral, o Duomo.

Duomo de Pienza
EURO2012__3511_.jpg

Como Pienza fica no alto da colina (assim como a maioria das cidades que visitamos), temos as mais belas vistas dos campos da Toscana.

EURO2012__3505_.jpg

Algumas belezas da cidade:

EURO2012__3522_.jpg

EURO2012__3529_.jpg

Pegamos um sorvete e seguimos viagem.

Na saída para Monticchiello desviamos para uma das estradinhas de chão para pegar essas imagens de Pienza e da região:

Pienza no alto da colina
EURO2012__3560_.jpg

Uma casinha no meio do nada (ou no paraíso)
EURO2012__3569_.jpg

Monticchiello

Monticchiello é uma vila pertencente a Pienza com pouco mais de 200 habitantes. Deixamos o carro no estacionamento fora da muralha e seguimos para conhecê-la a pé. Ela é pequenina, em 20 minutos conhecemos toda a vila.

Portão de acesso:
EURO2012__3601_.jpg

Algumas imagens de dentro da muralha.

EURO2012__3629_.jpg

EURO2012__3628_.jpg

EURO2012__3613_.jpg

O restaurante Taverna di Mocanda é considerado um dos melhores da Toscana, está no guia Michelin. Mas resolvemos seguir viagem pois já passava do meio dia e ainda tínhamos Montalcino e Siena pela frente.

EURO2012__3622_.jpg

A Toscana vista de Monticchiello:

EURO2012__3603_.jpg

EURO2012__3638_.jpg

E seguimos para Montalcino.

Montalcino

Instalada confortavelmente no alto de uma colina, a pacata cidade de Montalcino ostenta nos seus arredores os melhores vinhedos da Itália. É ali que nascem as uvas sangiovese grosso, famosas por produzirem os cobiçados vinhos Brunello de Montalcino e Rosso de Montalcino. Tem pouco mais de 5 mil habitantes.

Montalcino vista da estrada
EURO2012__3671_.jpg

Uma das catedrais da cidade
EURO2012__3690_.jpg

Do alto da cidade podemos admirar os campos da Toscana onde são cultivadas as uvas do Brunello.
EURO2012__3702_.jpg

Junto a torre com o relógio fizemos um pitstop para apreciar o Brunello. Como estava calor, vinho branco.
EURO2012__3719_.jpg

Olha a torre:
EURO2012__3708_.jpg

Ih, acho que está fechada...
EURO2012__3725_.jpg

Ruas de Montalcino:
EURO2012__3726_.jpg

Para encerrar o passeio, fomos até a fortaleza de Montalcino, construída em 1361, para proteger a cidade das invasões na idade média.
EURO2012__3728_.jpg

EURO2012__3733_.jpg

Cada coisa que a gente vê por aqui.....
EURO2012__3741_.jpg

E é claro, antes de ir embora, às compras !
EURO2012__3711_.jpg

Agora sim, podemos seguir para Siena.

Siena

Siena é conhecida pelo seu patrimônio artístico e pelo belo centro histórico, classificado pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade. Rivalizou no campo das artes durante o período medieval até o século XIV com as cidades vizinhas. Porém, devastada em 1348 pela Peste Negra, nunca recuperou o seu esplendor, perdendo também a sua rivalidade interurbana com Florença. Mas, ainda sim, junto com a rival, é uma das mais belas cidades da Itália. Possui 52 mil habitantes.

Deixamos o carro num dos estacionamentos fora do centro histórico (e das zonas de tráfego limitado). Ele ficava junto a uma escadaria que dava acesso a parte alta e rapidamente estávamos no centro histórico batendo perna.

Ladeiras do Centro Histórico de Siena
DSC06559.jpg

Depois de uma rápida caminhada pelas principais ruas de pedestres de Siena, fomos visitar o Duomo.

A Piazza del Duomo é dominada pelo branco do mármore da igreja Santa Maria della Scalla, o Duomo de Siena. Esta é uma das mais bonitas igrejas de toda a Itália. Foi concluída em 1382 e apresenta uma fachada românico-gótica projetada por Giovanni Pisano. O ingresso ao Duomo dá direito a entrada na catedral, no museu e no batistero.

Duomo de Siena
EURO2012__3749_.jpg

Mais uma:
IMG_3469.jpg

Seu interior também é muito bonito
IMG_3475.jpg

Outra
IMG_3515.jpg

Já a praça ao lado da igreja ocupa o espaço que deveria ser da imensa nave da igreja, novo projeto que não foi concluído, e que daria dimensões de ‘a maior do mundo’ ao Duomo de Siena. Foi interrompido na idade média devido a peste negra. Mas, pelas suas paredes, dá para ter uma idéia da grandiosidade que seria.

Parte do que seria o 'novo projeto'
IMG_3472.jpg

Atualmente, esta parte inacabada tem uma escada que leva ao topo e pode ser visitada.

Depois do Duomo visitamos o museu e o Batistero

Nas escadarias do Batistero
IMG_3523.jpg

Mais uma
IMG_3535.jpg

Depois descemos em direção a Piazza Del Campo.

Piazza Del Campo
IMG_3558.jpg

A praça principal de Siena, em forma de meia-lua, é a Piazza del Campo. É onde se encontra o Palazzo Pubblico (câmara municipal ou prefeitura, século XIV), com o famoso Campanile (campanário). Nesta praça também está a alta Torre del Mangio. Na Piazza del Campo realiza-se a famosa corrida de cavalos chamada Palio di Siena. O Palio é feito duas vezes por ano: 2 de Julho e 16 de Agosto, onde os 17 bairros (contrades) participam da corrida. Todos desfilam pela praça com trajes tradicionais e bandeiras, mas a corrida em si é feita somente por dez cavalos, cada um de um bairro, de três regiões da cidade que são escolhidos por sorteio. Cada bairro tem suas cores e o hino. Ganha o cavalo que chegar primeiro, após três voltas ao redor da praça, mesmo que o jóquei já tenha caído (!!!).

Nós na Piazza !
IMG_3551.jpg

Mais da Piazza Del Campo
IMG_3562.jpg

Outra !
IMG_3567.jpg

Palazzo Pubblico e Torre del Mangio
IMG_3542.jpg

Torre vista de dentro do palazzo
IMG_3577.jpg

No fim de tarde, após as tradicionais comprinhas, deixamos Siena em direção ao hotel.

Nossa última janta no Laticastelli
DSC06569.jpg

Hummmmmm
DSC06571.jpg

Hora de arrumar as malas e nos preparar para seguir viagem com a Toscana na lembrança.

A imagem que fica da Toscana são dos seus belos campos, das vilas medievais que parecem ter parado no tempo e da boa e farta cozinha.
EURO2012__3506_.jpg

Próxima parada: Veneza !
:)

Publicado por lnsilva 5:45 Arquivado em Itália Tagged toscana Comentários (0)

Dia 14 (Parte 1) - Toscana

sunny 22 °C

Acordamos descansados, arrumamos as malas, tomamos café bem tranquilos. A princípio tínhamos tempo para ir até Florença devolver o carro e pegar o trem para Veneza às 12:25.

Olha o café aí:
EURO2012__3901_.jpg

Fizemos o checkout e seguimos para Florença para devolver o carro. Saímos por volta de 9:30 de Rapolano Terme. O tempo de viagem era de 1h e meia no máximo.

Olha a tranquilidade...
EURO2012__3903_.jpg

A coisa começou a complicar quando nos aproximamos de Florença. O trânsito estava bem pesado. Ainda tínhamos que abastecer e o tempo começou a acelerar. Começamos a nos apavorar pois as passagens estavam compradas e se perdéssemos o trem teríamos que pagar uma boa diferença de preço e ainda sair só as 16hs para Veneza. Seria um belo preju de grana e tempo.

Na entrada de Florença abastecemos, tudo certo e seguimos desviando das Zonas de Tráfego Limitado para evitar multa. Estava tudo certo até que nos perdemos. E, seguindo orientação do mapa obtido na agência, entramos na ZTL. Dei retorno, mas não adiantou, já havia sido fotografado.

Já era mais de 11:30 quando chegamos na agência para devolver o carro já sem muita esperança de pegar o nosso trem no horário. Ainda mais que tinha umas 5 pessoas na nossa frente fazendo a mesma coisa. Depois de 15 minutos, dei a chave para o carinha da agência e uns 5 minutos depois ele falou que estava tudo ok, que estávamos liberados, era só assinar o recibo da devolução. Já passava do meio-dia, faltava uns 20 minutos pro trem sair e bateu uma esperança. Saímos a pé correndo com as malas e sacolas em desespero da agência até a estação. Uns 15 minutos de correria.

Foi uma aventura mas chegamos a tempo. Sem olhar para o vagão entramos no trem para garantir e depois procuramos nossos lugares. Logo em seguida o trem saiu..... Ufa !!! Da próxima vez, acordar mais cedo....

Veneza, lá vamos nós !

:)

Publicado por lnsilva 5:42 Arquivado em Itália Tagged toscana Comentários (0)

Dia 14 (Parte 2) - Veneza

sunny 21 °C

O trem de Florença para Veneza estava bem cheio. Das viagens que fizemos de trem esse foi o mais lotado que pegamos. Mas a viagem foi bem tranquila. Descemos em Veneza Mestre, a última estação antes de Veneza Central. Nosso hotel era bem em frente a estação. Tivemos dificuldade com as malas, para variar, pois a estação não tinha elevador e precisamos descer uma escadaria, passar por debaixo dos trilhos e depois subir novamente para sair da estação.

Ficamos no Hotel Bologna bem na frente da estação. Essa foi a grande vantagem de ficar em Mestre e não ter que ficar andando com as malas por dentro de Veneza ou pelos canais. Descansamos um pouco e fomos ao que interessa.

Veneza é uma cidade e comuna italiana da região do Vêneto, tem cerca de 271 mil habitantes e é conhecida pela sua história, canais, museus e monumentos. A impressão que se tem ao chegar a Veneza é que se está em uma cidade de outro mundo, criada por uma civilização de outra galáxia. Veneza fica na Itália, mas às vezes você se esquece que está no país, pois a cidade não se parece com o resto da Bota. Aliás, ela não se parece com nada no planeta. Já havíamos visto as imagens em filmes e fotos mas ao vivo, é difícil de acreditar que ela é real. É uma cidade flutuante, erguida no meio de um lago, com ruas aquáticas onde veículos (o que inclui ambulâncias, carros funerários, ônibus etc.) são barcos, tudo circundado por vielas, becos, pontezinhas e praças com dourados e surpreendentes detalhes escondidos em sua arquitetura.

Logo na chegada fomos andando pelas ruelas em direção a Piazza San Marco. No caminho, diversas paradas para conhecer igrejas, praças e monumentos.

Canais de Veneza
EURO2012__4006_.jpg

Igreja Santa Maria Gloriosa dei Frari
EURO2012__4010_.jpg

Até chegarmos a ponte do Rialto a ao Gran Canale.

Gran Canale visto da Ponte do Rialto
EURO2012__4035_.jpg

A Ponte do Rialto é a primeira e a principal ponte que atravessa o Gran Canale. O Gran Canale é a principal via de Veneza ligando a estação de trem até a bacia de San Marco.

Seguimos a caminhada até chegarmos na Piazza San Marco e diversas atrações que ficam ali como o Palazzo Ducale e a Basilica di San Marco.

Piazza San Marco
EURO2012__4100_.jpg

Basilica de San Marco
EURO2012__4085_.jpg

Palazzo Ducale
EURO2012__4095_.jpg

Basilica de San Giorgio Maggiore vista da Piazza San Marco
EURO2012__4117_.jpg

No fim da tarde pegamos o Vaporetto, principal meio de transporte de Veneza para dar uma volta completa no Gran Canale e ver os diversos prédios históricos se acendendo. Sem dúvida, um dos mais bonitos passeios de barco do mundo.

Piazza San Marco vista do Vaporetto
EURO2012__4149_.jpg

Estação San Marco do Vaporetto
EURO2012__4160_.jpg

Nós a bordo
EURO2012__4275_.jpg

Os bombeiros passando
EURO2012__4179_.jpg

Ponte do Rialto
EURO2012__4214_.jpg

Santa Maria della Salute a noite
EURO2012__4327_.jpg

A noite fomos passear nos arredores da Piazza San Marco.

Piazza San Marco a noite
EURO2012__4348_.jpg

Depois, retornamos ao hotel em Mestre para o merecido descanso.

___________________________________________________________________________

Publicado por lnsilva 8:00 Arquivado em Itália Tagged veneza Comentários (0)

Dia 15 - Veneza

sunny 23 °C

Começamos o segundo dia em Veneza embarcando no Vaporetto em direção a Piazza San Marco. O planejamento do dia previa conhecer as bairros de Canareggio, Dorsoduro, Castelo e a ilha de Murano. Começamos de onde paramos na noite anterior, na Piazza San Marco para entrar na Basilica di San Marco.

No Vaporetto passando pelo Gran Canale
EURO2012__4429_.jpg

E pela Ponte della Academia
EURO2012__4434_.jpg

Tinha uma fila considerável na Basilica mas anda rápido, deu uns 20 minutos,

Ao fundo a Basilica de San Marco, a direita o Palazzo Ducale
EURO2012__4451_.jpg

Interior da Basilica (no photo!)
EURO2012__4458_.jpg

De volta ao Vaporetto, fomos em direção a Canareggio. Começamos a visita pela Basilica de San Giorgio Maggiore. Além da visita a Basilica em si, subimos no campanário (torre da igreja) para ver Veneza de cima.

Basilica de San Giorgio Maggiore
EURO2012__4474_.jpg

Vista da saída do Gran Canale a partir da Basilica
EURO2012__4501_.jpg

Veneza vista do alto do campanário
EURO2012__4521_.jpg

Mais uma (saída do Gran Canale)
EURO2012__4524_.jpg

E outra
EURO2012__4531_.jpg

Só curtindo
EURO2012__4543_.jpg

Seguimos em direção a ilha de Murano, famosa pelos trabalhos com vidros.

Tiozinho moldando uma peça em vidro
EURO2012__4622_.jpg

Ruelas de Murano
EURO2012__4628_.jpg

Saindo de Murano o Vaporetto nos levou a Basilica de Santa Maria della Salute. Na entrada do Gran Canale, é um dos mais imponentes marcos da cidade.

Basilica de Santa Maria della Salute
EURO2012__4658_.jpg

Interior da Basilica
EURO2012__4661_.jpg

Escadarias da Basilica
EURO2012__4671_.jpg

Saímos da Basilica e já passava das 3hs da tarde e fomos caminhando pelas ruelas procurando uma cantina para almoçar. Entre igrejas, monumentos, praças e lojinhas, encontramos um lugar bacaninha onde comemos lazanha com uma "birra belo" feita numa cervejaria de Veneza mesmo.

Birra Venezia
EURO2012__4699_.jpg

Ruelas do bairro
EURO2012__4704_.jpg

Seguimos a caminhada em direção a Ponte della Academia, para as tradicionais fotos sobre o Gran Canale.

Gran Canale a partir da Ponte della Academia
EURO2012__4715_.jpg

Outra
EURO2012__4725_.jpg

No fim de tarde o momento compras. Em seguida, sentamos junto as margens na Riva degli Schiavoni, em Castelo, para contemplar a vista de Veneza e o belo final de tarde. Percebemos que essa é uma das melhores horas em Veneza pois o povo que vem para passar um dia já foi todo embora.

Contemplando...
EURO2012__4779_.jpg

....e brindando
EURO2012__4775_.jpg

A noite, após caminhada pelas ruelas e mais uma volta de Vaporetto, fomos jantar e celebrar os 2 dias maravilhosos que tivemos em Veneza junto a um dos restaurantes encostados no Gran Canale. Totalmente turístico.

Junto a Ponte do Rialto
EURO2012__4807_.jpg

Salute !
EURO2012__4820_.jpg

Na volta ao hotel, arrumar as malas e preparar para seguir viagem.
EURO2012__4830_.jpg

A imagem final que fica de Veneza não poderia ser outra que não de seus canais, em especial do Gran Canale.
EURO2012__4717_.jpg

Próxima parada: Munique, antes Day Trip em Verona !

_____________________________________________________

Publicado por lnsilva 4:00 Arquivado em Itália Tagged veneza Comentários (0)

(Textos 16 - 20 de 27) « Página 1 2 3 [4] 5 6 »